Classe subterrânea

O fiscal do trem regional (leia-se de banco duro e coletivo, sem ar-condicionado e com grades nas janelas) entra no vagão para conferir os bilhetes e começa um zum zum zum sem fim. Ele ainda está lá nas primeiras fileiras e à nossa volta rola um mexerico aparentemente sem muito propósito. À medida que o homem se aproxima, todo mundo fica paralisado, olhando para o lado de fora para despistar. Ele é certeiro. Mira um banco logo na nossa frente, senta e olha debaixo dos assentos, para então dar de cara com o corpo de uma mulher. Lá estava ela completamente imóvel, fingindo de morta. O homem, sem cerimônia alguma, começa a bater na sua perna, sacudi-la, puxar o seu braço. E ela lá, brincando de estátua. Até que ele desiste e vai embora. Então a passageira, confortável na sua esteira de palha debaixo dos bancos alheios, finalmente se mexe, ri e volta a dormir confortavelmente. Mais uma viagem de duas horas sem pagar o dólar e meio do bilhete. Na próxima parada, uma confusão na entrada do vagão e aparece mais uma esteira misteriosa e desajeitada na bagagem de mão de uma família. Agora a gente já tinha aprendido o truque. Em menos de cinco minutos ela se desenrolou e apareceu uma criança. Truque fácil no Vietnã. (Rachel)

Anúncios

~ por amnasianow em junho 15, 2009.

5 Respostas to “Classe subterrânea”

  1. E a gente acha que o “jeitinho” é só brasileiro…….
    Saudades,beijos pra vcs.

  2. Ah se fosse… seria bem mais fácil, ararara. 🙂
    Saudades também! Mil beijos.

  3. e vcs não tentaram?

  4. Eles são menorzinhos…

  5. http://s0.wp.com/wp-includes/images/smilies/icon_smile.gif?m=1303539340g

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: