O Oscar e a Índia

cinema

As luzes se apagam. Sobe a cortina. E de repente, ao invés de trailers, aparece a bandeira da Índia enorme e tremulante na telona. Imediatamente todo mundo se levanta para cantar o hino nacional. Só então tem início o filme. Ir ao cinema na Índia, com direito a intervalo no meio, é uma experiência genial. E nós esperávamos que assistir a Slumdog Millionaire – Quem Quer Ser Um Milionário, em Mumbai (onde o filme, com 10 indicações ao Oscar, se passa), fosse ter um gostinho ainda mais especial. Não teve.

À parte o conto de fadas a la Bollywood, que tem lá a sua graça, o filme pinta um cenário tão estereotipado e exagerado que, se a gente tivesse assistido antes de começar a viagem, teria desistido de ir ao país imediatamente. Violência, assaltos a turistas e trombadinhas de plantão em lugares tão turísticos quanto o Taj Mahal são tratados como assunto corriqueiro e banal. E não, não é.

Passar 90 dias na Índia sem ter sentido qualquer ameaça nos fez refletir muito sobre o prazer de viajar em segurança (a segurança cotidiana, onde os atentados, obviamente, não entram). Aqui ninguém anda nas ruas com medo das outras pessoas. Não vimos uma arma, um assalto, não sentimos um olhar amedrontador. Nada. Não que não existam. Mas poucas vezes nos sentimos tão protegidos na vida – um sentimento que só foi questionado depois de sair pelas ruas de Mumbai após aquelas duas horas no cinema. Não demorou muito a passar, ainda bem. Seria injusto demais. Pobreza, aqui, não é sinônimo de violência. E o filme dá uma bela exagerada na dose. (Rachel)

Anúncios

~ por amnasianow em fevereiro 10, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: